fbpx

Transposição das Agulhas Negras e Prateleiras – 12 e 13 de Junho

→ DATA: 12 e 13 de Junho de 2021

→ DIFICULDADE TÉCNICA: DIFÍCIL (entenda)

→ INTENSIDADE FÍSICA: MODERADA

→ PONTO DE ENCONTRO: Hostel Picus - Itamonte - MG

→ MÁXIMO 6 PARTICIPANTES

Sobre o Roteiro

Ao longo do final de semana escalaremos dois grandes clássicos do montanhismo nacional: o Agulhas Negras (2791m - 5º maior do Brasil) e o Prateleiras (2536m), no entanto iremos além das rotas tradicionais, em um roteiro exclusivo, transpondo os principais maciços do Planalto do Itatiaia, ascendendo estas montanhas por uma face e descendo pela face oposta. Desta forma no sábado subiremos o maciço das Agulhas Negras pela rota normal em sua face oeste e desceremos pela pouco conhecida face leste, seguindo em direção a chapada da lua e retornando pelo Vale da Asa de Hermes. No domingo subiremos o maciço das Prateleiras pela face Norte, por uma via de escalada de aventura com pequenas chaminés e lindas fendas que nos levarão até o cume deste maciço, por fim faremos o retorno pela rota normal em sua face sul. A escalada a essas duas montanhas é difícil não pelo esforço físico, mas sim pela dificuldade técnica e a exposição a grandes alturas..

Agulhas Negras

O Agulhas Negras é um dos ícones do montanhismo nacional. Sua primeira ascensão (registrada) data da metade do Século XIX (1856), por José Franklin Massena.
Com 2791 metros de altitude acima do nível do mar, é o 5º ponto culminante do Brasil, e considerado a maior montanha do Rio de Janeiro, embora esteja exatamente sobre a divisa de Minas Gerais e o Rio de Janeiro.
A ascensão ao cume será feita pela Via Pontão Ricardo Gonçalves, rota tradicional para acessar o famoso cume do Cruzeiro, de onde acessaremos o Itatiaiuçu, também conhecido como pedra isola, o ponto mais alto do maciço do Agulhas Negras, onde esta localizado o livro de cume. Em seguida desceremos pela face Leste, onde teremos um visual completamente diferente e surpreendente das Agulhas Negras. acessaremos a curiosa chapada da Lua, onde encontraremos o segundo livro de cume deste roteiro. Terminaremos o dia retornando pelo belíssimo vale da Asa de Hermes.

Prateleiras

O Pico das Prateleiras é, sem dúvida, uma das montanhas mais bonitas da Mantiqueira e talvez do Brasil, devido sua formação imponente e distinta.
Nossa aproximação até a base do Prateleiras será feita a partir do Abrigo Rebouças, depois de uma caminhada de aproximadamente uma hora e meia. Faremos a ascensão ao cume pela Via Norte, uma via de escalada de aventura clássica, conquistada em 1925, Max Kienen e Richard Brackmann, com diversas fendas e curtos lances de chaminé, passando literalmente por dentro da montanha, até alcançarmos seu cume, onde está localizado o 3 livro de cume deste roteiro. O retorno será feito pela via Sul, ou via normal, a rota mais frequentada para acessar este cume.
Do cume seremos presenteados com um visual incrível do Vale do Paraíba de SP e RJ, Morro do Couto, Pedra do Altar, Agulhas Negras, entre outras montanhas!


Para participar de nossas viagens você precisa cumprir os seguintes requisitos:

_Preencher a Ficha de Inscrição com antecedência;
_Estar com bom preparo físico/muscular/cardiorrespiratório;
_Ter pago 100% do valor total 24h antes do evento iniciar.

Dia a Dia

SEXTA-FEIRA - (11/06)

  • Entre 14:00h e 23:00h - Hostel Picus em Itamonte - MG.

Incluso: hospedagem.
Não incluso: janta no Hostel Picus ou qualquer outro item não citado em "Incluso".

SÁBADO - (12/06)

  • 05:30h – Café da manhã no hostel;
  • 06:30h – Partida em direção ao PNI (cerca de 45min na estrada);
  • 07:30h – Trâmites de entrada e começo da caminhada;
  • 08:30h – Chegada Camping Rebouças - Montar acampamento;
  • 09:30h – Início caminhada Transposição Agulhas Negras;
  • 16:30h – Camping Rebouças - desfrutar da montanha;
  • 19:00h – Janta e dormir.

Incluso: café da manhã, transporte em 4x4 até o Parque Nacional do Itatiaia, taxas de entrada no parque, taxas de camping no parque, guia, equipamentos de segurança, janta e hospedagem.
Não incluso: carregador, lanche de trilha ou qualquer outro item não citado em "Incluso".

DOMINGO - (13/06)

  • 05:30h – Café da manhã;
  • 07:00h – Início caminhada Transposição Prateleiras;
  • 13:30h – Camping Rebouças - Desmontar Acampamento;
  • 16:30h – Hostel e final da operação.

Incluso: Transporte em 4x4 retorno Hostel Picus, taxas do parque, guia e equipamentos de segurança.
Não Incluso: café da manhã, lanche de trilha ou qualquer outro item não citado em "Incluso".

Fotos

Espere as fotos carregar, pode demorar um pouco...

Investimento

A partir de R$ 836,00 (por pessoa)

Confira mais abaixo as formas de pagamento!

O QUE ESTÁ INCLUSO:

  • Transporte entre o Hostel Picus até o portaria do PNI e vice-versa para os 2 primeiros inscritos;
  • Um pernoite (14/05) em quarto compartilhado no Hostel Picus - Itamonte - MG + café da manhã (15/05);
  • Um guia com Certificação Internacional em Primeiros Socorros em Áreas Remotas (Wilderness First Aid);
  • Um auxiliar de guia para grupos acima de 5 pessoas;
  • Jantar na Montanha (15/05/2021);
  • Taxas de entrada no PNI;
  • Taxas de Camping no PNI;
  • Equipamentos de segurança – corda, baudrier (cadeirinha), mosquetões, fitas, etc.;
  • Seguro contra acidentes pessoais.

O QUE NÃO ESTÁ INCLUSO

  • Transporte Hostel Picus x PNI a partir do 3 participante;
  • Lanche de trilha;
  • Equipamentos pessoais;
  • Devolução do investimento em caso de desistência;
  • Qualquer outro item não relacionado em "Inclui".

FORMAS DE PAGAMENTO

→ R$ 950,00 - 2 x de R$ 475,00*;
→ R$ 836,00 -
Pagamento à vista - 12% de desconto!

Os depósitos poderão ser feitos via Pix, boleto ou depósito bancário.

*Entrada no ato da compra para garantir a vaga. A segunda e última parcela deverá ser feita até 14/05/2021.

O que levar

Os EQUIPAMENTOS são um dos pilares para o sucesso de uma expedição. Dessa forma, leia com muita atenção a lista abaixo. Estaremos atentos às suas dúvidas.

  • Mochila cargueira - mínimo 50L;
  • Barraca específica para atividade;
  • Isolante térmico - prefira o inflável;
  • Saco de dormir - mínimo 0C;
  • Mochila de ataque (pequena, até 30 litros);
  • Lanterna - prefira headlamp (lanterna de cabeça) pela praticidade;
  • Bastões de caminhada - prefira um par (aconselhável);
  • Recipiente mínimo para 2L de água;
  • Bota ou tênis específicos para atividade outdoor, com solado aderente e amaciada - prefira bota;
  • Uma calça para caminhada - prefira as específicas - poliamida/poliéster;
  • Duas camisas de secagem rápida (tipo dryfit) para caminhada –  recomendável manga longa e com proteção UV;
  • Uma blusa que retenha calor tipo fleece ou similar;
  • Uma jaqueta sintética ou de pluma de ganso - ou similar;
  • Uma jaqueta tipo Anorak, impermeável;
  • Uma muda de roupa quentinha para usar no hostel;
  • Dois pares de meia (mínimo) - prefira as específicas para trekking (tipo coolmax) - não
    use algodão;
  • Sandália tipo croc, papete ou similar – para relaxar os pés depois do trekking;
  • Protetor solar;
  • Boné ou chapéu;
  • Bandana;
  • Óculos de sol;
  • Kit pessoal  de primeiros socorros;
  • Material de higiene pessoal;
  • Sacolinhas plásticas sobressalentes para lixo;
  • Pilhas sobressalentes;
  • No caso de condição de tempo instável, capa de chuva pessoal/mochila.

DICAS

- Dê uma boa revisada no estado de conservação de suas botas de caminhada. Tenha certeza que o solado NÃO vai descolar!
- Use pelo menos um bastão de caminhada. A máxima a respeito de bastões que diz: "Para cima, menos força. Para baixo, menos dor", é verdadeira!
- Use roupas sintéticas (poliamida ou poliéster). NÃO use algodão!
- Corte as unhas dos pés bem curtas.
- Aconselhável retirar todas as suas joias: anéis, brincos, correntes, etc.
- Traga seu protetor auricular.

WhatsApp chat